sexta-feira, 17 de abril de 2015

PROFESSORES DA REDE ESTADUAL DE PERNAMBUCO DECIDEM PERMANECER EM GREVE

 Os professores da rede estadual ignoraram a liminar do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), que determinou a suspensão da greve da categoria e o retorno imediato ao trabalho, e decidiram, em assembleia, na manhã desta sexta-feira (17), continuar de braços cruzados por tempo indeterminado. O Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Pernambuco (Sintepe) já foi notificado da decisão do desembargador Jovaldo Nunes, que acatou o pedido do Governo Estadual. Também foi determinado, em caso de descumprimento, o pagamento de multa diária de R$ 30 mil.
Ao saírem da assembleia, os docentes realizaram uma passeata até a sede da Vice-Governadoria, na avenida Cruz Cabugá, em Santo Amaro. O grupo exibiu cartazes com os pontos das reivindicações. Cerca de duas mil pessoas estiveram no ato, que provocou congestionamento na via e em ruas no entorno. No final, uma comissão foi recebida pelo vice-governador, Raul Henry, que se prontificou a levar os pontos debatidos ao governador Paulo Câmara.
O advogado e membro da assessoria jurídica do Sintepe, Eduardo Pinheiro da Costa, enfatizou que o prazo para recorrer à intimação judicial, recebida, nesta sexta, é de cinco dias, contando a partir da segunda-feira (20). De acordo com ele, o recurso será julgado por todo o tribunal e não apenas por um desembargador. Deve ser rebatido o excesso da multa que foi aplicada: R$ 30 mil por dia, podendo chegar a R$ 1 milhão.
Os professores deflagraram greve por tempo indeterminado na tarde da última sesta sexta-feira (10). As aulas foram suspensas desde a última segunda-feira (13). Com a proposta, os 13,01% de aumento contemplaram apenas os professores da base da carreira, o que equivale a 10% dos profissionais. A categoria pede que todos sejam beneficiados.

Por meio de nota, o Governo do Estado afirmou que lamenta a decisão a respeito da continuidade da greve e que mantém “a disposição de reabrir o diálogo com a categoria, desde que os professores retomem as atividades normais”. Conforme balanço da Secretaria de Educação, o quinto dia de paralisação afetou as atividades parcialmente em 39% (410) das escolas e totalmente em 9% (94). Já em 52% (541) das unidades, as aulas ocorreram normalmente. Do FolhaPE

APÓS ATRASO, CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE COMEÇARÁ EM MAIO


Prevista para este mês, a campanha nacional de vacinação contra a gripe será lançada neste ano apenas em 4 de maio, segundo o ministro da Saúde, Arthur Chioro.
De acordo com o ministro, o atraso ocorre devido à necessidade de incorporação de proteção contra um novo tipo de vírus, que hoje circula no hemisfério norte.
Ainda não há informações de quantas doses serão distribuídas às unidades de saúde e a meta de pessoas a serem vacinadas. Em 2014, foram distribuídas mais de 53 milhões de doses.
O público-alvo da vacina abrange crianças de seis meses a cinco anos, idosos, trabalhadores de saúde, povos indígenas, gestantes, puérperas (mulheres com até 45 dias após o parto), portadores de doenças crônicas não transmissíveis e população privada de liberdade, por serem mais vulneráveis a desenvolver a doença.
No ano passado, a meta do Ministério da Saúde era vacinar 80% do público alvo, que somava quase 50 milhões de pessoas. Na ocasião, a dose da vacina protegia contra três subtipos do vírus da gripe determinados pela Organização Mundial de Saúde para este ano (A/H1N1; A/H3N2 e influenza B).

Da Folhapress 


ALDO REBELO PEDIRÁ À ANVISA AUTORIZAÇÃO PARA TESTES DA VACINA CONTRA DENGUE


O ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Aldo Rebelo, disse nesta sexta-feira (17), após encontro com pesquisadores do Instituto Butantan, em São Paulo, que deve conversar pessoalmente com os responsáveis pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para agilizar autorização para que o instituto antecipe a terceira fase de testes clínicos da vacina contra dengue. A Secretaria Estadual de Saúde anunciou em 25 de março que pediria antecipação.
“Ao chegar a Brasília na segunda-feira (20), vou procurar o ministro da Saúde, Arthur Chioro, e pedir a ele as explicações e ponderações, que devem ser levadas em conta para que a população possa ser beneficiada com as providências que precisam ser tomadas,” disse.
Segundo dados da Secretaria Estadual de Saúde, o Butantan, responsável pelas pesquisas, poderá disponibilizar imediatamente 13 mil doses da vacina para o estudo antecipado, que será feito em ambiente controlado e aprovado pelas autoridades médicas e sanitárias. Serão imunizados voluntários em locais de alta incidência da doença. A pesquisa é feita em parceria com a Universidade de São Paulo, Instituto da Criança do Hospital das Clínicas e com o Instituto Adolfo Lutz.
O secretário David Uip ressaltou no dia 25 de março, que a vacina está sendo estudada há sete anos e que uma das vantagens é a dose única, que facilita a adesão. Além disso, destacou que os testes feitos na segunda fase demonstraram segurança, causando como efeito colateral apenas vermelhidão.
Durante o encontro, Aldo Rebelo informou ainda que o ministério está fazendo análise para detectar quais os maiores entraves burocráticos que atrapalham as atividades científicas e pesquisa no país. “Pedi que cada secretaria entre em contato com as instituições de pesquisa e identifique os obstáculos. Minha ideia é que tenhamos um prazo de 60 a 90 dias para elaborar um relatório, e a partir daí, pedir as providências necessárias.”

O ministro participou da entrega do Prêmio Fundação Butantan aos pesquisadores da instituição. Agência Brasil

O NEPS CONVIDAR TODAS ESCOLAS PARA PARTICIPAR DE UMA REUNIÃO.

PM PRENDE ACUSADO DE MATAR “TITICO LOCUTOR” EM TERRA NOVA

Por volta das 02:30h de hoje, sexta-feira (17 de abril), policiais militares do 8ºBPM, destacados na Cidade de Terra Nova-PE, efetuaram a prisão de MARLON VIEIRA LEITE, 27 anos, estudante, morador da Rua Luiz de Sá Araújo, bairro da COHAB daquela cidade, acusado de haver assassinado á golpe de faca, por volta das 12h dessa quinta-feira, ontem, dia 16, no centro da cidade, FRANCISCO PIRES DE CARVALHO, “Titico Locutor”, 54 anos, locutor da cidade, residente na Rua José Elizeu de Vasconcelos – Centro – Terra Nova-PE, que também exercia a função de Assessor de Comunicação da Prefeitura Municipal. A prisão do acusado se deu ainda nos arrabaldes da cidade, durante uma intensa operação policial articulada na região com a finalidade de capturar o homicida que havia fugido logo após o crime.  MARLON VIEIRA, foi preso e encaminhado para 193ª DPC de Salgueiro, aonde foi autuado em flagrante e recolhido para o presídio da cidade. O motivo do crime ainda não está totalmente esclarecido, apenas se sabe que o assassino estaria sob efeito de drogas no momento da ação que tirou a vida do locutor “Titico”.

Da redação do BLOG do Emanoel Cordeiro/Sistema Beto Som de Comunicação

CONDUTORES DE VEÍCULOS QUE FOREM USAR A PE 625 PARA IR A CAPRINOFILÓ DEVE TER CUIDADO


 Começa nesta sexta feira 17 a VI Caprinofiló  e é preciso que os condutores de veículos  que forem usar a PE 625 que liga a cidade de Santa Cruz e Santa Filomena, tenha cuidado já que a rodovia apresenta muitos pontos perigosos causados pelas chuvas que caíram recentemente na região, apesar dos pontos mais perigosos terem sido parcialmente concertado como mostra as fotos tirada pelo no blog na manhã desta sexta feira é preciso diminuir bastante a velocidade para evitar acidentes.

Santa Cruz em destaque

quinta-feira, 16 de abril de 2015

PREFEITO GILVAN SIRINO PARTICIPA DA AULA INAUGURAL DO PROGRAMA PERNAMBUCO NO BATENTE

Na tarde dessa quinta feira 16 foi lançado em Santa Cruz o programa Pernambuco no batente, que tem como objetivo promover a inclusão social e produtiva das famílias de baixa renda inseridas de cad único, nesse primeiro momento serão beneficiados 200 pessoas que participarão dos cursos na cadeia produtiva do GESSO, atuando na produção de placas, blocos e artefatos em gesso.

Varias autoridades fizeram presentes ao evento, Elisandra Mendes secretária de assistência social, Marta (coordenadora estadual do programa Pernambuco no batente), Sâmia Pedrosa (representando a proteção social básica), Eva Oliveira representando a Consultoria educar que será responsável pela aplicação dos cursos, além dos secretários municipais Graça Menezes e Fabrício Marques e os vereadores Zé Neildo, José Íon e Jaésio Rodrigues.


O prefeito Gilvan Sirino que também participou do evento destacou as dificuldades enfrentada por vários municípios que sofre com a falta de dinheiro diante dessa crise vivida pelo país, mais enfatizou que com sua equipe estará sempre buscando oportunidades para a população de Santa Cruz e que o programa Pernambuco no batente e uma grande oportunidade por que segundo Gilvan, “melhor do que dá esmola e dar oportunidades para que as pessoas se tornem cidadãos”.

“A RODOVIA PE-576 PRECISA URGENTEMENTE DE REPAROS”, DEFENDE SOCORRO PIMENTEL


Através de uma indicação, a deputada estadual Socorro Pimentel (PSL) cobrou ao governador Paulo Câmara (PSB) e ao secretário estadual de Transportes, Sebastião Oliveira, a recuperação e sinalização da PE-576, no trecho que liga as cidades de Trindade e Ipubi.
Devido ao fluxo intenso de caminhões carregados com gesso, a rodovia encontra-se muito desgastada, causando inúmeros acidentes e prejudicando a vida dos que por ela trafegam diariamente.
Para a deputada, a rodovia é uma importante rota para o polo gesseiro da região e precisa urgentemente de reparos.


GOVERNO PROPÕE SALÁRIO MÍNIMO DE R$ 854 EM 2016

O governo federal propôs que o salário mínimo, que serve de referência para mais 46 milhões de pessoas no Brasil, suba dos atuais R$ 788 para R$ 854 a partir de janeiro de 2016, com pagamento em fevereiro do próximo ano.
O percentual de correção do salário mínimo, pela proposta, será de 8,37% no próximo ano.
A informação consta na proposta da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), divulgada nesta quarta-feira (15) pelo Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. O documento está sendo enviado hoje ao Congresso Nacional.
Para 2017 e 2018, respectivamente, a estimativa do governo para o salário mínimo é de R$ 900,1 e de R$ 961.
O governo também admitiu oficialmente, por meio do projeto da LDO, que a inflação deve somar 8,2% neste ano e, com isso, estourar o teto do sistema de metas de inflação brasileiro.

Formato de correção

A correção do salário mínimo é definida pela variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), índice de inflação calculado pelo IBGE, do ano anterior ao reajuste, somada ao aumento do PIB de dois anos antes, o que proporciona ganhos reais – acima da inflação – para os assalariados, mas somente se o PIB tiver crescimento.
Essa fórmula valia até este ano, mas, recentemente o governo enviou uma Medida Provisória ao Congresso estendendo o formato até 2019.

Valor ainda pode mudar

Esse valor proposto para o salário mínimo em 2016 pelo governo federal, entretanto, ainda pode ser alterado no futuro, com base nos parâmetros estabelecidos para sua correção (crescimento do PIB do ano de 2014 e da inflação, medida pelo INPC, deste ano). No ano passado, o PIB cresceu 0,1% e, para a inflação medida pelo INPC, a última previsão do mercado financeiro, feita na semana passada, é de uma alta de 8,34%.

O que estava previsto antes

Em 2012, quando enviou a proposta da LDO de 2013, o governo previa que o salário mínimo superasse a barreira dos R$ 800 já em 2015. Mas o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) ficou abaixo do que o governo esperava naquela época, o que resultou em uma alta menor do mínimo - para R$ 788 neste ano.

Em abril de 2013, na proposta da LDO do ano seguinte, o governo previa que o salário mínimo somaria R$ 849,78 em 2016. Em março do ano passado, na proposta da LDO de 2015, a estimativa do Executivo para o valor do salário mínimo de 2016 já havia recuado para R$ 839,24.
G1.COM

SANTA CRUZ, SANTA FILOMENA E OURICURI INICIAM TERCEIRA RODADA DE ORIENTAÇÕES SOBRE OS PLANOS MUNICIPAIS DE EDUCAÇÃO

O município de Santa Cruz sediou nesta quarta (15) o encontro que deu início à terceira rodada de orientações técnicas para a construção dos planos municipais de educação das cidades do Sertão do Araripe Pernambucano. A reunião ocorreu na sede da Secretaria de Educação e contou com a presença da professora Vilma Bezerra, representando o MEC e a UNDIME, a qual está designada para fornecer as orientações técnicas e realizar o acompanhamento da construção ou adequação dos planos nas cidades da região.
Além da secretária de educação de Santa Cruz, Graça Meneses, estiveram presentes a secretária de educação do município de Santa Filomena, Noélia Rodrigues, e membros das referidas secretarias e de outros órgãos e departamentos, os quais compõem as equipes técnicas indicadas pelas prefeituras para construção e/ou adequação dos planos em seus respectivos municípios.
Com o advento da aprovação do novo Plano Nacional de Educação (PNE 2014-2014), por meio da Lei nº 10.005, de 24 de junho de 2014, os municípios terão que construir os seus respectivos planos municipais de educação até o prazo máximo de um ano a partir da vigência do PNE, ou seja, até o dia 24 de junho do corrente ano, um prazo que tem deixado as secretarias de educação inquietas e correndo contra o tempo para criar ou adequar seus planos sob a ótica do novo PNE.
Os municípios devem elaborar um diagnóstico da educação local e propor as metas que desejam alcançar durante a vigência dos seus planos decenais, com as devidas estratégias. Após o diagnóstico, o documento base deve ser levado para o campo do debate com a sociedade e, depois de sua aprovação, tramitar nas câmaras de vereadores até a aprovação do projeto de lei e a sanção dos prefeitos.
Os encontros seguem nesta quinta feira (16), atendendo a cidades de Bodocó, Exu e Granito e dia 17 com os municípios de Trindade, Ipubi e Araripina.

POR: Humberto Lacerda

quarta-feira, 15 de abril de 2015

02 DE MAIO GRAVAÇÃO DO DVD DE JB GUIMARÃES E O BONDE EM SANTA CRUZ

OI TERÁ QUE LIBERAR SEUS ORELHÕES PARA LIGAÇÕES GRATUITAS EM PERNAMBUCO E MAIS 14 ESTADO

Oi terá que liberar seus orelhões para ligações gratuitas
A partir de hoje (15), a operadora telefônica Oi será obrigada a permitir que qualquer pessoa de quinze estados possa fazer gratuitamente ligações locais e a telefones fixos, de acordo com uma determinação da Anatel.
A punição deve-se à operadora não cumprir com os níveis mínimos de disponibilidade de telefones públicos em suas áreas de atuação.

Era necessário ter no mínimo 90% de orelhões disponíveis em todos os estados do País e 95% nas localidades atendidas somente por orelhões (onde o acesso é coletivo).


Nos locais onde essa exigência não foi atendida, a operadora será punida. São eles: Alagoas, Amazonas, Amapá, Bahia, Ceará, Maranhão, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Paraná, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Sergipe.

Operadora oi foi multada após aviso da Anatel sobre irregularidades em seus orelhões públicos. Punição irá durar até que empresa regularize o sistema de orelhões.

A Oi recebeu um aviso da possibilidade de punição no dia 2 de fevereiro, mas até 31 de março, quando a Anatel realizou outra pesquisa, a situação não havia se resolvido.

Agora os orelhões serão liberados até que a operadora atinja as metas estabelecidas. Segundo a Anatel, Novas pesquisas estão previstas para 30 de agosto de 2015, 29 de fevereiro de 2016 e 30 de agosto de 2016.

Fonte: Olhar Digital

JOSIMARA SOBRE UNIÃO COM GEOMARCO: “NÃO FALAMOS DISSO, MAS NA POLÍTICA NADA É IMPOSSÍVEL”

JosimaraA ex-vereadora, Josimara Cavalcanti (PTB)líder da oposição em Dormentes, sertão do São Francisco, procurou o Blog para rechaçar a informação de que o deputado federal Adalberto Cavalcanti (PTB) não teria mais interesse em fazer política na cidade.
Adalberto já mandou pra gente cerca de 5 mil horas máquinas e deve mandar agora mais 5 mil. Aqui ele recebeu mais de 5 mil votos. Um patrimônio desses ninguém abre mão”, informou.
Josimara também falou sobre a possibilidade da oposição promover um acordo, convidando o ex-prefeito Geomarco Coelho (PSB) para ser o candidato contra o atual prefeito Roniere Reis (PSB).
“Que eu saiba, Geomarco continua no PSB ao lado do prefeito e não ví nenhuma ruptura então não tem acordo nenhum”, afirmou.
Mas quando perguntamos se essa aliança seria impossível Josimara não confirmou, mas também não negou a possibilidade:
“Só poderíamos pensar nisso se ele rompesse e ele não rompeu. Más na política não existem nada impossível”.


Fonte Blog do Carlos Britto

MORRE O IRMÃO DO DEPUTADO ADALBERTO CAVALCANTE

Faleceu nessa terça-feira (14) em Juazeiro-BA, Gonzaga Cavalcanti, filho de Maria Coelho Cavalcanti e Raimundo Fernandes, irmão do ex Prefeito de Afrânio Raimundo Cavalcanti e do Deputado Federal Adalberto Cavalcanti.
Gonzaga faleceu no Hospital Unimed, de edema agudo de pulmão e isquemia de miocárdio. Ele tinha  69 anos e estava com o diabete alta. Ontem Gonzaga se  sentiu mal em Afrânio  e foi levado para Juazeiro onde veio a falecer.
O Velório acontecerá na casa de seu Raimundo Fernandes(in memoriam) em Afrânio,  a partir das 09 horas. O sepultamento  será realizado nesta quinta-feira(16) às oito horas da manha no cemitério de Afrânio.

Vinicius de santana

terça-feira, 14 de abril de 2015

SERTANEJO DANIEL É CONFIRMADO NA 10º CAPRISHOW EM DORMENTES

SOCORRO PIMENTEL QUER PROJETO BOA VISÃO ATUANDO NO INTERIOR DO ESTADO

Exibindo 40502a.jpg
A deputada estadual Socorro Pimentel (PSL) encaminhou ao Governo do Estado um requerimento para que o Projeto Boa Visão seja implantado nos municípios das regiões do Araripe e do São Francisco, e no município de Parnamirim, no Sertão Central.
Iniciada em 2012,a ação identifica e trata de problemas oculares em professores e alunos matriculados no ensino fundamental e médio da rede 
estadual de educação. São oferecidas consultas oftalmológicas e, constatando a necessidade, a entrega de óculos corretivos.


Para Socorro Pimentel, é de suma importância a realização das consultas, uma vez que, problemas visuais não detectados em alunos podem acarretar uma série de prejuízos, como a queda de rendimento e dificuldade no aprendizado.

ARARIPINA – POLÍCIA CIVIL PRENDE DUPLA ACUSADA DE FURTAR RESIDÊNCIA DO EX-DEPUTADO RAIMUNDO PIMENTEL

Uma operação de policiais civis lotados na 24ª DESEC, Delegacia Seccional de Araripina, comandada pelo investigador Edelson e o comissário Júnior, prenderam na semana passada dois elementos acusados de furtar a residência do Ex-deputado Raimundo Pimentel e da atual deputada estadual Socorro Pimentel.

Os policiais cumpriram os mandados de prisão expedidos pelo juiz substituto da Primeira Vara da Comarca de Araripina, Dr. Jandercleison Pinheiro Jucá, e prenderam Lázaro Alves dos Reis, o Lauzim, de 21 anos, vigilante, residente no Bairro Zé Martins e Valdson Rodrigues da Silva, o Ava de 20 anos, gesseiro, residente na Vila Santa Isabel.
O primeiro foi capturado quando jogava sinuca em um bar do Bairro Alto Alegre, enquanto que o segundo foi preso no mesmo dia em sua residência. Ainda segundo a polícia, ambos respondem por furto qualificado.


Dentre os objetos que foram furtados estão três TVs LCD. A polícia informou também que uma das TVs foi trocada por 30 pedras de crack. Os acusados após depoimento na DPC local, foram recolhidos à Cadeia Pública, onde estão à disposição da justiça.
Fonte/ Fotos – Polícia Civil de Pernambuco


Reportagem – Fredson Paiva

SANTA FILOMENA - SÍTIO TRANQUILIDADE - GATI ERRADICA PLANTAÇÃO DE MACONHA E PRENDE DUAS PESSOAS


Ontem segunda-feira 13/04, por volta das 06:00 da manhã, policiais do GATI, Grupo de Apoio Tático Itinerante da Polícia Militar, receberam uma informação que um agricultor identificado por Ademar Coelho Damasceno, de 57 anos, residente no Sítio Tranquilidade, zona rural do município, estaria plantando maconha na citada localidade.
Quando a polícia chegou ao local o agricultor tentou correr, mas foi imobilizado e preso pela equipe do GATI. Ele relatou que teria arrendado suas terras para que a pessoa de Enildo Granja da Silva, de 34 anos, residente no Sítio Baixa Fechada, zona rural de Dormentes, usasse a área para plantar a droga.
Diante da informação os policiais se deslocaram até Dormentes e também prenderam o Enildo. Com o primeiro a ser preso foi apreendido 15 Kg de maconha pronta para o consumo. 
Os dois e a droga foram encaminhados para a DPC de Ouricuri e autuados em flagrante, sendo o caso registrado na DPC local. 

Fonte/ Fotos - GATI/ PMPE/ 7º BPM


Reportagem - Fredson Paiva 

CIDADES DA REGIÃO DO ARARIPE GANHA UNIDADE DA FIEPE

Exibindo Unidade Regional Sertão do Araripe -  FIEPE.jpgIndústrias do Sertão do Araripe terão à disposição serviços e produtos desenvolvidos pela Federação

Depois de instalar unidades regionais em Caruaru e Petrolina, a Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco - FIEPE chega a Araripina. A inauguração da Unidade Regional Sertão do Araripe acontece no dia 23 de abril e ela atenderá além de Araripina, mais 9 cidades que compõem a região: Bodocó, Exu, Granito, Ipubi, Moreilândia, Ouricuri, Santa Cruz, Santa Filomena e Trindade.

Distante 692km da capital pernambucana, Araripina foi escolhida para abrigar a unidade por ter o maior número de indústrias, sendo o principal polo provedor de gipsita do país e papel econômico relevante para a dinâmica produtiva do Nordeste. A forte atuação do Sindicato da Indústria do Gesso do Estado de Pernambuco - Sindugesso, que representa as empresas da principal atividade econômica da região também foi relevante para sediar a unidade. “A escolha da região não foi aleatória. Nela estão cerca de 20% das reservas conhecidas de gipsita do País, com excelente teor de aproveitamento e grau de pureza, consideradas as melhores do mundo. O setor gesseiro, envolve 600 empresas, gera 12 mil empregos diretos e cerca de 65 mil indiretos, promovendo renda, tributos e contribuindo para fixar o sertanejo em seu território. Este é um patrimônio que deve ser preservado através de uma política de incentivos e de medidas inovadoras. É o que a FIEPE vem fazendo”, explicou o presidente em exercício da FIEPE, Ricardo Essinger.

A nova unidade terá como foco principal trabalhar o potencial da região, criando uma política industrial adequada aos setores já existentes, em busca do desenvolvimento da indústria local, colocando à disposição todo o portfólio de produtos e serviços da FIEPE. Cursos, palestras e capacitações voltados aos empresários e executivos da indústria estão entre as ações que a FIEPE vai disponibilizar através da unidade. A diretoria da casa será composta pelos empresários da região, Francisco Alencar e Francisca Campo Costa. 

O prédio que abrigará a FIEPE em Araripina foi reformado com o objetivo de criar um ambiente de convivência de empresários. A estrutura conta com quatro salas de reunião e um auditório com capacidade para receber até 100 pessoas. Na cerimônia de inauguração estará presente comitiva de diretores da FIEPE comandada pelo presidente licenciado Jorge Côrte Real, e do presidente em exercício Ricardo Essinger e serão convidados presidentes de sindicatos, líderes políticos, empresários e autoridades da região.

Economia - Os alicerces econômicos do Sertão do Araripe estão na atividade da exploração mineral. Detentor de uma das principais reservas brasileiras de gipsita e apoiado pelo crescimento das indústrias cimenteira e da construção civil, o Polo Gesseiro do Araripe se projeta nacionalmente. Juntas as empresas nele instaladas são responsáveis por cerca de 90% da produção de gesso nacional.  Segundo dados do Ministério do Trabalho e Emprego, das 16.355 indústrias instaladas em Pernambuco, 3,1% estão na região do Sertão do Araripe. Juntas elas empregam 1,3% dos trabalhadores da indústria no Estado. O Pólo Gesseiro porém, não é o único setor produtivo de destaque no Sertão do Araripe, os segmentos de panificação, reparação automotiva e de curtume também são fortes na região.

Cadastro Industrial – Na ocasião será lançada a edição 2015 do Cadastro Industrial de Pernambuco, que reúne as principais informações de 5.969 empresas instaladas no Estado. O levantamento realizado pela FIEPE contém dados sobre o porte da indústria, ano de fundação, produto e matéria-prima utilizada, quantitativo de funcionários, turnover, consumo médio de energia, acesso ao mercado internacional, filiação sindical, além de informações cadastrais que servem como facilitador de novos negócios. Pela primeira vez o turnover da mão-de-obra (rotatividade de pessoal) e o consumo de energia foram incluídos no cadastro já que o custo de energia industrial de Pernambuco ser um dos maiores do Nordeste, o que gera perda de competitividade e o giro da mão de obra também interfere como um fator crítico para curva de aprendizagem das empresas. A publicação será disponibilizada nas versões impressa e digital em CD e pode ser adquirida na FIEPE e nas principais livrarias.

Serviço:
Inauguração Unidade Regional de Araripina e Lançamento do Cadastro Industrial de Pernambuco 2015
Data: 23 de abril de 2015
Local: Unidade Regional Sertão do Araripe
Rua Marcos Vieira de Alencar, 339, térreo, Planalto - Araripina/PE.

Horário: 19h30

PERNAMBUCO TEM 83 MUNICÍPIOS COM RISCO DE SURTO E 26 COM EPIDEMIA DE DENGUE

De acordo com o segundo Levantamento de Índice Rápido do Aedes aegypti (LIRAa), 83 municípios pernambucanos estão em situação de risco de surto de dengue. Desses, 26 estão em situação de epidemia – 24 por conta da alta incidência da doença, além do Recife, por causa do alto número de notificações. Outras 74 localidades estão em alerta, 25 obtiveram dados satisfatórios e três não informaram.
Até 4 de abril, foram registrados 18.431 casos (2.987 confirmados) em 165 municípios. Isso representa um aumento de 423,91% em relação ao mesmo período de 2014, quando foram notificadas 3.518 ocorrências, com 1.247 confirmadas. Os municípios com o maior número de casos absolutos são Recife (4.978), Jaboatão dos Guararapes (880), Camaragibe (829) e Goiana, totalizando 7.337, o equivalente 39,81% do total de notificações em todo o Estado.
Dados
Segundo a SES, que divulgou os dados nesta segunda-feira (13), os municípios epidêmicos em Pernambuco, além da Capital e de Fernando de Noronha, são Itapetim, Venturosa, São José do Egito, Pedra, Sanharó, Goiana, Condado, Iguaraci, Surubim, Itaquitinga, São Bento do Una, Belo Jardim, Calumbi, Betânia, Toritama, Buenos Aires, Iati, Lagoa do Carro, Limoeiro, Manari, Vertentes, Santa Cruz do Capibaribe, Vitória de Santo Antão e Ingazeira.
Já os municípios com maior grau de incidência (número de casos por 100 mil habitantes), de 8 de fevereiro a 4 de abril, foram São José do Egito (1.148,01), Pedra (1.078,25), Itapetim (952,72), Venturosa (798,14), Sanharó (769,67), Goiana (734,48), Condado (725,66), Fernando de Noronha (693,48), Iguaraci (693,24), Surubim (676,48), Itaquitinga (586,97), São Bento do Una (515,37), Belo Jardim (488,12), Calumbi (469,65), Betânia (464,48), Toritama (460,58), Buenos Aires (454,76), Iati (395,53), Lagoa do Carro (394,27), Limoeiro (386,96), Manari (381,72), Vertentes (370,18), Santa Cruz do Capibaribe (325,50), Vitória de Santo Antão (337,36) e Ingazeira (328,73).

Folha de PE

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO REALIZA DE 22 A 25 O 5º SEMINÁRIO NEPPAS

neppasSementes: autonomia, vida e resistência no Semiárido. É este o tema da quinta edição do Seminário Neppas que acontecerá de 22 a 25 de abril no campus da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) em Serra Talhada. O evento que envolve pesquisadores, estudantes, agricultores e agricultoras, Ongs e representantes da sociedade civil organizada, tem como objetivo fomentar a troca de saberes e o intercâmbio de experiências.
A programação contempla oficinas, intercâmbios, rodas de diálogo, feira de produtos da agricultura familiar e troca de sementes, além de uma programação cultural com música e poesia. No primeiro dia do evento, haverá oficina sobre bancos de sementes comunitários facilitada pelo Centro Sabiá.
Nos outros dias, haverá entre outras coisas o Seminário Mulheres na Caatinga, com o tema Soberania e Segurança Alimentar no Bioma Caatinga; lançamento do Livro Prêmio Margarida Alves e mesa de debate com o mote Sementes: autonomia, resistência e vida no Semiárido.
O evento é uma realização do Núcleo de Estudos, Pesquisas e Práticas Agroecológicas do Semiárido (Neppas), UFRPE e CNPQ em parceria com as Ongs Centro Agroecológico Sabiá, Caatinga, Casa da Mulher do Nordeste e Cecor; Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), Rede de Mulheres Produtoras do Pajeú, Associação Brasileira de Agroecologia (ABBA) e Projeto Dom Helder Câmara (PDHC).

publicado por Comunicação Caatinga

segunda-feira, 13 de abril de 2015

EX-CHEFE DE ENGENHARIA DA CODEVASF CONDENA ATUAL PPP DO PONTAL E DISPARA CONTRA O SENADOR BEZERRA

Exibindo Otávio Carvalho.jpgEm carta aberta, o engenheiro civil e ex-chefe da Divisão de Engenharia da 3ª SR CODEVASF- Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba, Otávio Carvalho, revela que a proposta inicial de Ocupação Espacial do Projeto Pontal, do qual participou ativamente, já consistia em uma PPP. Contudo, os moldes originais foram totalmente modificados na atual proposta, para atender a interesses outros, deixando uma grande porta para a exploração do pequeno produtor.

Otávio Carvalho não acredita que os representantes da região no Senado e Câmara  estão dispostos a lutar pela modelo que beneficie os produtores, mas sim em favor do grande empresário que vai administrar todo o Projeto.

Leia Carta na Íntegra:

“A modalidade de PPP (Parceria Público-Privada) que estão aplicando hoje no Projeto Pontal é cruel e perversa. Mas a proposta inicial não era essa.

A Ocupação Espacial da Área, isto é, a distribuição dos lotes, contida na concepção original do Projeto, de fato, sempre foi uma PPP. Dizemos isso com bastante propriedade, porque tivemos a honra de Coordenar o Projeto Pontal desde a fase de Elaboração do Projeto Básico Executivo, participando do recadastramento dos proprietários e trabalhadores da área envolvida pelo Projeto e, ocasionalmente, participamos diretamente da aquisição de algumas áreas.

Junto com uma comissão, idealizamos tudo para que o Projeto já nascesse emancipado, ou seja, deixasse de ser público e passasse a andar com as próprias pernas, portanto isso era uma PPP. Mas em momento algum feríamos a filosofia dos Projetos Públicos de Irrigação sonhados e materializados pelo Dr. Nilo de Souza Coelho e muito bem assimilados pelo Dr. Osvaldo de Souza Coelho, que era transformar o Semiárido e principalmente transformar o homem do sequeiro numa pessoa próspera.

Um projeto nascido emancipado, andando com as próprias pernas, representava para a Codevasf uma grande evolução nos seus mais de 30 (trinta) anos de existência, pois além de tornar o homem da Região numa pessoa próspera, tornava esse mesmo homem independente das ajudas e intervenções de socorro do Governo.

Vejamos como foi concebida a Ocupação Espacial do Projeto Pontal, como um Projeto Emancipado:

1 - 60% da área seriam destinadas para Lotes Empresariais, com áreas variando de 30 a 70 ha, cuja aquisição se daria via licitação pública, onde qualquer pessoa física e ou empresa poderia participar, com critérios cristalinos. O valor ofertado poderia ser pago em até 12(doze) anos.

2- 40% da área seriam destinadas a pequenos produtores, com lotes de 6,0 ha, que seriam adquiridos por aqueles que venderam suas terras para a implantação do Projeto. Todo aquele que vendeu suas terras teria acesso a um lote apenas, bem como aquele trabalhador de alguma fazenda da área. Caso sobrassem lotes de Pequenos Produtores, esses seriam adquiridos via licitação pública. A aquisição desses lotes seria paga em até 18(dezoito) prestações anuais.

OBS: O direito a um lote, para quem vendeu as suas terras, faz parte do acordo entre a CODEVASF e os proprietários das terras, que não foi em momento algum respeitado. Os proprietários simplesmente receberam um calote, um xexo.

3 - Ao adquirir qualquer das áreas, fosse ela Empresarial ou de Pequeno Produtor, essa área seria titulada  de imediato, podendo o seu dono dá-la como fiança em eventuais empréstimos nos Bancos.

4 - As áreas dos Pequenos Produtores nos Projetos anteriores eram entregues desmatadas, aradas, solos corrigidos e o mais caro, a tubulação "On Farm", ou seja, aquela tubulação com aspersores que molham toda área. Os custos com esses serviços compunham o Preço Final do Lote. 

Nas Áreas do Projeto Pontal, nada disso seria feito diretamente pela CODEVASF, o que a CODEVASF iria desembolsar com esses serviços seria colocado em um Banco, via Convênio, e o Pequeno Produtor teria acesso a esses recursos através de financiamento, executando esses serviços sob os seus olhos, e a CODEVASF não se preocuparia com o retorno desses recursos, pois isso era tarefa para o Banco. Ora, se todos esses serviços não comporiam o
preço do lote o que então o Pequeno Produtor pagaria pelo lote? Simplesmente o valor da terra pelo mesmo preço que a CODEVASF adquiriu deles.

5 - Os custos com a Infraestrutura como: canais, aquedutos, estações de bombeamento, elevatórias, redes de energia elétrica e outros, seriam ressarcidos a Codevasf pelo famoso, necessário e famigerado K1  num período de 50(cinquenta) anos.

6 - Os custos com operação e manutenção do projeto seriam feitos por uma Empresa constituída pelos próprios usuários do Projeto, ou seja, um Distrito de Irrigação sem fins lucrativos, cujos funcionários seriam pagos pelos usuários do Projeto via K2, taxa variável pelo consumo da água. Com a receita do K2, o Distrito de Irrigação, pagaria as conta de energia, funcionários e manutenção das estradas.

Então, o que gostaríamos de mostrar, é que o Projeto Pontal seria um aperfeiçoamento dos outros projetos, seria um projeto o mais próximo do ideal, mas, infelizmente, o Senador Fernando Bezerra  não apenas enterrou o sonho do proprietário do Pontal de ter um lote com o calote que lhes deu, mas enterrou também a expansão da agricultura irrigada.



OTÁVIO CARVALHO.”

NEPS REALIZA EVENTO PARA COMEMORAR O XIII FESTIVAL DAS ÁGUAS


Aconteceu neste sábado dia 11 de Abril, no Centro Casa da Roça em Dormentes/PE, o XIII Festival das Águas com o tema As Culturas das Águas e do Povo do Semiárido, mais de 400 pessoas participaram.
Foi um grande evento com palestras sobre a realidade do Semiárido, apresentações culturais com o tema festas juninas, amostra da agricultura familiar, viam sacra e, para fechar a programação teve show com Chico de Nardino.
 



Fonte Manelito do Neps

COMPESA DEIXA O POVOADO DO SOCORRO EM SANTA FILOMENA A QUASE 30 DIAS SEM ÁGUA

 Desde do inicio do mês de março a população do Povoado do Socorro está sem abastecimento de água por parte da Compesa, isso ocorre por que devido o grande volume de chuvas que o município de Santa Filomena recebeu, a tubulação não aguentou e acabou se rompendo, e quase um mês depois a Compesa não providenciou o conserto e a população do povoado tem que se virar para ter água potável em suas residências, já os órgão públicos como escolas e posto de saúde estão sendo abastecido pela prefeitura.

Mais o que chama atenção nesse caso e a demora excessiva por parte da Compesa em solucionar um problema que na pratica era para ser rápida, a cidade de Santa Filomena não foi tão afetada por que outros açudes também auxiliam no abastecimento de água no município.

Santa Cruz em Destaque